Ética

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 7 (1611 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 18 de febrero de 2010
Leer documento completo
Vista previa del texto
Análise de casos

A maioria dos casos a seguir são exemplos fechados, ou seja, não há mais possibilidades além das escritas. Lembre-se que a discussão ética funciona como um laboratório: descrever o caso e analisá-lo.
A partir do texto do ponto “5. Estrutura do ato moral” do capítulo III – “Essência da Moral” na xerox analisar os casos a seguir para considerá-los como moralmentebons, moralmente reprováveis (ou imorais) ou amorais.
Ação moralmente bom: ação livre, consciente, querida (deseja, planejada) pelo autor da ação e boa para as demais pessoas.
Ação moralmente reprovável ou imoral: ação livre, consciente, querida (deseja, planejada) pelo autor da ação e prejudicial às demais pessoas.
Ação amoral: ação que não gera efeitos benéficos nem maléficospara as pessoas.

( Aplique a estrutura do ato moral nos casos a seguir. SOMENTE entendemos uma ação moral a partir da estrutura do ato moral. É a apartir da estrutura do ato moral que podemos considerar uma ação moralmente boa, ou moralmente reprovável ou amoral.
( Discutiremos os primeiros casos em sala de aula na próxima quarta-feira
( O texto “Estrutura do ato moral” será a base para aprova.

Situação 1

João Tordalli é o responsável pela seleção e contratação de funcionários para a empresa XT & Associados. Realiza um processo de seleção. De 82 candidatos selecionou Pedro e Tiago, os quais diputaram a vaga (única vaga). Nos quesitos técnicos e profissionais exigidos tanto Pedro, quanto Tiago foram aprovados. Resta a João escolher um dos dois. Nas entrevistas, João soube quePedro nascera na Angola (país do continente africano). João, por ter uma série de preconceitos em relação aos negros, concede a vaga à Tiago, descendente de alemães. O código de ética da empresa XT & Associados é claro: abomina/repudia qualquer tipo de preconceito racial.
Sabemos que o preconceito racial é imoral (além de ser crime – mas esqueça que é crime). Você, dono da empresa, pauta-se porprincípios éticos e exige que sua empresa seja ética. Você nunca saberá desta postura de João pois ele aparenta ser ético. Como proceder em relação a João? Ou como evitar para que casos ou situações acima não ocorram em sua empresa.

Situação 2

Aspecto geral: João Tordalli entra no escritório de seu vinho de trabalho José Costa e furta uma série de objetos necessários/indispensáveis para otabalho de José Costa.

Aspectos epecíficos:
a) João Tordalli foi obrigado por Antônio, sob ameaça de morte a familiares, a furtar tais objetos. João conhece a reputação de Antônio, sabia que cumpriria as ameaças e não tinha como acionar a polícia.
b) João adquiriu uma doença degenerativa que rapidamente afetou seu discernimento. Tal doença não é imediatamente constatada, mas um dos primeirossintomas é o furto de objetos.
c) João agiu tomado por impulsos irresistíveis. Logo, o furto decorre destes impulsos.
d) João planejou vários dias o furto de tais objetos. Sabia que era errado e que caracterizava furto mas, mesmo assim, decidiu realizar a ação e, de fato, realizou.
e) João planejou vários dias o furto de tais objetos. Sabia que era errado e que caracterizava furto. Noentanto, a venda destes objetos à Onofre lhe renderia uma quantia elevada em dinheiro, suficiente para pagar o tratamento médico de sua filha. Vale lembrar que João deveria trabalhar por muitos anos para obter a quantia necessária para pagar tal tratamento. João não tinha como obter o tratamento a não ser pagando.
f) João sabia que era errado e que caracterizava furto. No entanto, a venda destesobjetos à Onofre lhe renderia uma quantia elevada em dinheiro, suficiente para pagar o tratamento médico de sua filha. Vale lembrar que João deveria trabalhar por muitos anos para obter a quantia necessária para pagar tal tratamento. João não tinha como obter o tratamento a não ser pagando. João, no escritório, no ato do furto, arrependeu-se e não furtou. Resultado, sua filha não recebeu o tratamento...
tracking img