É hora de acolher

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 6 (1390 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 8 de noviembre de 2011
Leer documento completo
Vista previa del texto
Sexta-feira, 1º de agosto de 2003

DIÁRIO DO GRANDE ABC

3

O recesso escolar terminou e a página do Diário na Escola está de volta discutindo a importância de um bom acolhimento

A psicóloga Cisele Ortiz explica que esse período de readaptação às aulas pode definir o sucesso do aluno na escola

É hor a de ac olher
esse período de retorno às aulas uma questão merece destaque ereflexão: o acolhimento aos alunos. Cisele Ortiz, psicóloga e coordenadora de projetos do Instituto Avisa Lá, ONG voltada para formação continuada de educadores, afirma que o acolhimento é uma situação vivenciada cotidianamente por crianças e adultos. Ela explica que a maneira como o aluno é recebido na escola é que vai definir como ele irá se relacionar com o ambiente de estudo. “E o acolhimento temvários pontos de vista: o da criança, o dos professores, o da família”, disse. Para Cisele, tanto o começo do ano, quanto o retorno do recesso, agora em agosto, são vitais para a adaptação dos estudantes. “Eles descansaram, conviveram com as pessoas da família, com amigos do bairro e brincaram muito. A escola precisa se preparar para o retorno desses alunos. É importante a elaboração das atividades pararecebê-los. As crianças precisam sentir que são queridas e que a volta delas para a escola é desejada.” A psicóloga recomenda que nas atividades de volta às aulas as crianças tenham oportunidade de contar como foi vivido o momento de férias. “E não se trata, de maneira convencional, de pedir para o aluno redigir uma redação de 20 linhas sob o tema ‘Minhas férias’, mas do professor ouvir, de formamais genérica o que o aluno tem a dizer. A criança pode trazer informações importantes. E essa relação tem que ser autêntica. O educador precisa respeitar a criança como pessoa inteira, com idéias sentimentos e reações.” Cisele chega a propor um exercício para os professores neste momento: colocar-se no lugar das crianças e refletir sobre a vivência delas em casa durante as férias – se foi boa,acolhedora, com amigos e com a família. Deixar isso para trás e voltar a conviver com os colegas de classe, de forma disciplinada, dedicada e concentrada é difícil, segundo a psicóloga. “É o estado de prazer substituído por outra coisa. Isso requer um período de adaptação, de acolhimento, no qual a criança precisa de ajuda e compreensão do professor. Basta o educador lembrar o que ele mesmo sentequando volta das férias e tem necessidade de uns dias para se readaptar ao trabalho.” Por isso, as atividades de retorno precisam ser bem elaboradas, prevendo mais tempo para socialização, para conhecer as brincadeiras que os alunos aprenderam durante o recesso, “até o recreio precisa ser maior durante esse período de acolhimento”. Uma sugestão de Cisele é que os professores trabalhem atividadesculinárias. “Com isso, o professor mostra que não há uma diferença tão grande entre o convívio social e o escolar, sem esquecer as tarefas.” Ela também atenta para o fato de que a escola não pode deixar de refletir sobre ocorrências inesperadas, não de lazer, que podem ter acontecido nas férias. “Como doença, morte em família ou até a separação dos pais. Na verdade, a escola precisa apropriar-se dahistória do aluno para, inclusive, planejar como lidar com o ocorrido sem interferir no desenvolvimento dele. Uma fatalidade não pode ser olhada exclusivamente pela história de vida do professor pois, às vezes, na melhor das intenções, ele acaba excluindo a criança que viveu algum problema, pensando em poupá-la. E isso não é certo.”

N

A psicóloga explica que o aluno deve sempre ser integradoao grupo pois esse é o melhor caminho para ele superar qualquer dificuldade. Carinho – O acolhimento não deve ser confundido com expressão de carinho por parte dos educadores, explica Cisele. “O carinho é super importante desde que seja verdadeiro, autêntico. Mas a verdade é que ninguém gosta de todo mundo igual. As demonstrações de carinho devem respeitar isso. É importante receber todos de...
tracking img