Economia

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 75 (18666 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 28 de septiembre de 2010
Leer documento completo
Vista previa del texto
ÍNDICE

TÓPICO I - HISTÓRIA DO ESTUDO DA TEOLOGIA DO ANTIGO TESTAMENTO-FLASHES 1.1 MOMENTOS HISTÓRICOS 1.2 ORIGEM HISTÓRICA DA FÉ DE ISRAEL II – REVELAÇÃO 2.1 RELEVANCIA 2.2 PROBLEMAS 2.3 CARACTERISTICAS PRÓPRIAS DE ISRAEL NO ESTUDO DA REVELAÇÃO 2.4 O QUE É REVELAÇÃO NO AT 2.5 REVELAÇÃO DO NOME (elohim – Deus)

PG. 2 2 4 4 4 4 4 5 5 6 7 10 10 12 16 16 17 19 20 21 23 24 25 25 26 28 30 31!yhiloa>

2.6 REVELAÇÃO DO NOME ESPECIAL DE DEUS 2.7 MEIOS DE REVELAÇÃO III – ANTROPOLOGIA DO ANTIGO TESTAMENTO

hwhy

3.1 O SER HUMANO COMO SER CRIADO À IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS 3.2 PALAVRAS QUE DEFINEM O SER HUMANO NO ANTIGO TESTAMENTO IV – RELAÇÃO DEUS VERSUS SER HUMANO – MAIS DO QUE PALAVRAS... 4.1 SALVAÇÃO 4.2 ELEIÇÃO 4.3 ALIANÇA 4.4 LEI 4.5 PECADO, CULPA E PUNIÇÃO 4.6 MISERICÓRDIA DEJAVÉ 4.7 JUSTIÇA DE JAVÉ V – ESCATOLOGIA 5.1 MORTE E VIDA 5.2 O DIA DE JAVÉ VI – ANTIGO E NOVO – A RELAÇÃO ENTRE OS DOIS TESTAMENTOS REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS APÊNDICE – AT E NT – SHEOL, GEENA E HADES, UM E-MAIL...

I - HISTÓRIA DO ESTUDO DA TEOLOGIA DO ANTIGO TESTAMENTO - FLASHES

1.1 MOMENTOS HISTÓRICOS. 1.1.1 Primeiro Momento: inicio da teologia do A.T. • Até o final do séc. XVIII, ateologia era mais dogmática, doutrinária, era a aplicação na vida diária. • O racionalismo plantou sementes para uma formação da teologia do antigo testamento. • Em 1787 o teólogo Johann Gabler foi o primeiro a diferenciar teologicamente entre novo e antigo testamento. Levantou a possibilidade de uma teologia bíblica do A.T., que não fosse sistemática, mas uma teologia apenas do A.T. Entretanto, elenão desvinculou o A.T. das raízes racionalistas. • Depois dele em 1796 vem G. Bauer, que publicou a obra “Teologia do A.T.” Ele também era racionalista. Segundo ele, o A.T consistia de uma séria de relatos produzidos a partir de mitos, sem valor para o homem moderno, eram supertições de uma raça antiga. • Após Bauer, a crítica literária vai separar os vários estilos literários: mitos, poéticos, etc.• Bauer e Gabler fugiram do “Dogmatismo Cristão”, mas caíram no extremo do racionalismo.

1.1.2 Segundo Momento: A morte da teologia do A.T. • Séc.XIX - Maior expoente: Julius Wellhausem – Pregava o desenvolvimento da literatura de Israel a partir de influências externas, ou seja, o que existia no A.T. era uma cópia das outras religiões, imitação do paganismo e das religiões naturais. Exemplo:as festas religiosas de Israel teriam sido, nesta ótica, festas babilônicas, agrícolas, que celebravam a fertilidade da terra. • Propõe-se, assim, não uma teologia do A.T., mas a história da Religião de Israel. 1.1.3 Terceiro Momento: renascimento da teologia do A.T. • Séc. XX. É preciso entender o inicio do séc. XX. O racionalismo e suas vertentes legaram ao mundo que o ser humano poderia criartodas as coisas. Era um momento de euforia na história da humanidade. A razão era a deusa. • Entretanto houve um momento em que tudo isto caiu por terra. A primeira guerra mundial, depois outra guerra mundial. Decepção com a autonomia econômica (escravo do capital ou escravo do Estado). O Titanic ruiu na 1ª viagem. Aviões, criados para transportar pessoas, jogavam bombas nas pessoas. Daí veio adecepção com a ciência e com a razão: onde buscar ajuda? No próprio ser humano? Deve-se buscar ajuda fora de si, tem que se apegar a alguma coisa. • Nesta época surge Karl Barth. Ele cria uma nova teologia dogmática, diferente da primeira, onde um testamento dependia do outro, também o antigo não era fruto de religião natural, mas era preciso recuperar o aspecto de palavra no texto, os ensinamentos edoutrinas. • W. Eichrodt (1928) – há valores religiosos próprios dos hebreus no A.T. Para ele, a função do teólogo é descobrir a essência do A.T. visto que há um ambiente cultural e espiritual peculiar à comunidade de Israel. Em 1933 Eichrodt baseado no tema da aliança, propõe um esboço para o estudo: “Deus e o povo, Deus e o mundo, Deus e o ser humano”. • Gerhard Von Rad, 1938 – Teólogo de...
tracking img