Évora

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 8 (1994 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 11 de enero de 2011
Leer documento completo
Vista previa del texto
Évora é uma cidade portuguesa, capital do Distrito de Évora, e situada na região Alentejo e sub-região do Alentejo Central, com uma população de cerca de 41 159 habitantes.
É sede de um dos maiores municípios de Portugal, com 1308,25 km² de área e 55 420 habitantes (2006) , subdividido em 19 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Arraiolos, a nordeste por Estremoz, a lestepelo Redondo, a sueste por Reguengos de Monsaraz, a sul por Portel, a sudoeste por Viana do Alentejo e a oeste por Montemor-o-Novo. É sede de antiga diocese, sendo metrópole eclesiástica (Arquidiocese de Évora). A cidade tem o renome de "Cidade Museu".
O nome Lusitano da cidade de Évora era Eburobrittium, provavelmente relacionado com a divindade celta Eburianus. A raiz etimológica viria do Celta*eburos, a árvore do Teixo. A cidade teve o nome de Ebora Cerealis durante a República Romana, tomando o nome de Liberalitas Julia no tempo do general Júlio César, sendo então já uma cidade importante, como o demonstram as ruínas de um templo clássico e os vestígios de muralhas romanas.
Conquistada aos Mouros em 1165 por Geraldo Sem Pavor, data em que se restaurou a sua diocese. Foi residênciarégia durante largos períodos, essencialmente nos reinados de D.João II, D.Manuel I e D.João III. O seu prestígio foi particularmente notável no século XVI, quando foi elevada a metrópole eclesiástica e foi fundada a Universidade de Évora (afecta à Companhia de Jesus), pelo Cardeal Infante D.Henrique, primeiro Arcebispo da cidade. Um rude golpe para Évora foi a extinção da prestigiada instituiçãouniversitária, em 1759 (que só seria restaurada cerca de dois séculos depois), na sequência da expulsão dos Jesuítas do país, por ordem do Marquês de Pombal. Évora é testemunho de diversos estilos e correntes estéticas, sendo ao longo do tempo dotada de obras de arte a ponto de ser classificada pela UNESCO, em 1986, como Património Comum da Humanidade.

Turismo
Moderna e turística, Évora conjugauma inigualável beleza natural com uma vasta riqueza histórica, cultural e religiosa. As suas praças e monumentos contam episódios da história nacional e as suas gentes orgulham-se do seu passado. Apesar das tradições, Évora é uma cidade virada para o futuro onde a modernidade e o conforto ocupam cada vez mais um lugar privilegiado em todos os sectores da vida dos eborenses.
Évora proporcionauma variedade de actividades ligadas ao turismo activo e à cultura, fantásticos locais para descansar e relaxar, incluindo algumas unidades de turismo em espaço rural situadas fora das Muralhas da cidade. Nos restaurantes, dos melhores do país, e que se escondem nas ruelas do Centro Histórico, a melhor gastronomia alentejana espera por si. Não deixe de visitar o Tempo Romano, o ex-líbris do CentroHistórico, o Museu de Évora e espreite ainda a programação cultural do Fórum Eugénio de Almeida e do Teatro Garcia de Resende.
Passeie ainda de charrete pelo Centro Histórico, depois de ter visitado as lojas de artesanato e experimentado os gourmets. Há ainda tempo para sentir a adrenalina das grandes emoções no Kartódromo ou no Aeródromo. Se quiser, faça um tour pela zona rural do concelhorecorrendo a um operador especializado e conheça os monumentos megalíticos.
Dominando a planície alentejana, Évora surpreende-nos na sua beleza, constantemente renovada no tempo e na história e que importa apreciar na sua totalidade. Vista de longe, onde a sua silhueta única é marcada pela imponência da Catedral, ou apreciada precisamente pelos seus terraços – local onde propomos o início do nossoItinerário -, o olhar é convidado a percorrer desde a sua envolvência mais distante, passeando depois pelas quintas, conventos e bairros circundantes, até ao particularismo de uma arquitectura harmonizada numa sinfonia de diversos estilos e presenças.
O Palácio de Vimioso, a Casa do Inquisidor e o Palácio da Inquisição, o Templo Romano, o Palácio dos Condes de Soure, o Jardim de Diana, a Casa...
tracking img