Cidade do méxico: enlace dos tempos e do imaginário asteca silva júnior, antonio ferreira da (cefet – rj)

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 11 (2616 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 25 de agosto de 2012
Leer documento completo
Vista previa del texto
CIDADE DO MÉXICO: ENLACE DOS TEMPOS E DO IMAGINÁRIO ASTECA SILVA JÚNIOR, Antonio Ferreira da (CEFET – RJ)
As cidades como os sonhos, são construídas por desejos e medos, ainda que o fio condutor de seu discurso seja secreto, que suas regras sejam absurdas, as suas perspectivas enganosas, e que todas as coisas escondam uma outra coisa.

Ítalo Calvino O desejo de criar passa por diversascivilizações, gerando sempre uma vontade infinita de construir, construir tempos melhores, construir caminhos, prédios, cidades... Conforme as idéias de Ítalo Calvino, o homem projeta o seu desejo no infinito e encontra prazer somente quando consegue imaginá-lo sem fim. Origem dos primeiros grupos humanos no México O surgimento dos primeiros indivíduos estabelecidos em terras mexicanas, bem como osprincipais motivos que levariam esses povos a migrarem a até então um espaço inóspito, constitui-se até o presente momento um fato sem muitas comprovações antropológicas. Estudos levantam hipóteses que os primeiros habitantes dessas terras seriam remanescentes de algumas tribos perdidas de Israel ou da imaginária Atlântida; outros levantamentos, mais prováveis, relacionam-se a possíveis migraçõesasiáticas em épocas remotas por meio do estreito de Bering, sendo esses povos considerados os responsáveis por estabelecer as primeiras raízes em diferentes pontos do território mexicano, e assim iniciar o processo de fundação do que se converteriam na atualidade em grandes cidades. Essas civilizações iniciais, como por exemplo, os olmecas, os maias, os teotihuacanos, os toltecas, os zapotecas, osmixtecas e outros, desenvolveram um primoroso acervo cultural, construindo esplendorosos templos, palácios, esculturas, mosaicos, trabalhos em cerâmica, ornamentações com pedras preciosas, o que nos demonstrou, desde as primeiras civilizações em solo mexicano, um afinado e particular olhar artístico, que diferenciou tais culturas de outras de seu tempo. Um único agravante para tais civilizaçõesiniciais do México foi a localização montanhosa do relevo, o que pode ser comprovado pela disposição do território mexicano cercado de vulcões, formando um certo labirinto de vales e elevações, o que nos permite analisar como possível explicação da dificuldade de projeção e organização dos espaços públicos desde suas primeiras civilizações. Os mexicas ou os astecasi surgiram tempos depois, e comogrande parte das culturas anteriores trouxeram no seu bojo um forte universo de fatalismo e de supertições que rondavam o imaginário de seus habitantes, tal característica devido à memória oral e escrita das civilizações precedentes, que relatava a dor provocada pelas constantes destruições causadas pelas erupções vulcânicas nesse solo mexicano. Esse sentimento derrotista seria um dos possíveiscaminhos para se compreender a facilidade com que os mesmos se renderam, tempos mais tarde, à dominação espanholaii. Segundo a mitologia asteca, outros momentos anteriores à tomada espanhola também foram 1

marcados pela violência e boa parte desses acabaram sendo apagados e extinguidos pelas lavas do solo do México. Essa nova cultura, a dos astecas, começou por volta do ano de 1325 a erguer acidade de Tenochtitlán. A escolha da ilha próxima a um lago — o Lago Texcoco — de águas salgadas foi determinada pelo deus da guerra Huitzilopochtli, quando esse deixou o sinal de uma águiaiii que devoraria uma serpenteiv sobre um cactus, convertendo-se essa imagem, nos dias atuais, como um dos símbolos mais arraigados da identidade coletiva mexicana, presente na bandeira nacional do México. Aospoucos os astecas levantaram muralhas, palácios, templos e gigantescas pirâmides, e instalaram a capital do império asteca numa posição estratégica, o que facilitaria o estabelecimento das relações sociais e comerciais entre os povos vizinhos. Aproximadamente dois séculos mais tarde, essa mesma cidade, que crescia cada vez mais, deixou os conquistadores espanhóis maravilhados e encantados com a...
tracking img