Logica de accion colectiva

Solo disponible en BuenasTareas
  • Páginas : 3 (631 palabras )
  • Descarga(s) : 0
  • Publicado : 24 de febrero de 2011
Leer documento completo
Vista previa del texto
Leitura: Olson, M. 1999. A lógica da ação coletiva. EDSP

Nesta leitura se trata em forma geral de analisar as possibilidades y limitações do usufruto coletivo o grupal de determinados bens. Olsonpropõe um ponto de vista particular sobre a dificuldade de lograr que os indivíduos persigam seu bem-estar comum, em contraste com o bem-estar individual.
“membros de um grupo com objetivos comunsnão atuariam voluntariamente para alcançar os interesses do grupo, mesmo que eles pudessem viver numa situação melhor quando este objetivo fosse alcançado”...
O autor apresenta uma comparação de doissistemas de toma de decisões, os grupos que tem muitas pessoas e os grupos de poucas pessoas. No primeiro é muito mais difícil chegar a um consenso, dado que o esforço por trabalhar e conseguir algumbeneficio individual ou ter influencia nas decisões é reduzida, o qual faz que não se posam ter resultados práticos. Por enquanto, nos grupos pequenos, a maioria das pessoas terão um incentivo para seesforçar a fim de que tudo de certo.
O ponto de vista de Olson pretendia questionar a colocação que os indivíduos com interesses comuns fariam de jeito voluntário promover seus interesses para obem do grupo. Assim, Ao menos que o número de indivíduos seja muito pequeno, ao menos que exista coesão o algum outro dispositivo especial para fazer que os indivíduos estejam ao favor de seus interescomum, indivíduos racionais com interesses próprios não fariam para lograr seus interesses comuns ou de grupo.

“a não ser que o número de indivíduos num grupo seja muito pequeno, ou que hajacoerção ou qualquer outro estratagema especial que os leve a agir com vista a esse interesse comum"
A teoria tradicional das associações voluntárias sugere que o desempenho das funções assumidas pode trazerganhos para todas as pessoas, mas não há nenhum incentivo para essas pessoas sim importar que tão cruciais posam ser essas funções. Outras das questões discutidas é o grau do consenso, se...
tracking img